segunda-feira, 30 de julho de 2012

Como Fazer e Manter um Dip-Dye Hair

 Depois de receber vários pedidos de leitoras para que eu falasse um pouco sobre as minhas mexas coloridas, chegou finalmente o tão esperado post. Decidi fazer um mini-manual de como fazer e cuidar do madeixas coloridas. Vamos lá?
Só para lembrar a sequência das minhas cores a 1° foi Azul, 2° Verde Piscina (que não aparece muito bem na foto) e a 3° e atual, uma mistura de Rosa e Laranja. 

O quê é Dip-Dye Hair?
 Literalmente cabelo mergulhado, no caso as pontas. Há vários tipos de Dip-Dye Hair, desde aqueles mais chamativos com cores bem diferentes ou aqueles mais discretinhos com cores tipo loiro, preto etc. O quê classifica esse tipo de coloração é ter metade do cabelo para baixo de uma cor diferente do restante.
Qual foi a razão de eu ter escolhido fazer um Dip-Dye?
Queria simplesmente mudar! Mas não queria estragar meu cabelo por inteiro, então escolhi mudar as cores só das pontas. E sim! Estraga o cabelo, mas sabendo cuidar você retarda o processo de perda total das pontas hahaha. 
Como Fazer?
Ahá! O momento esperado. Separei esse vídeo para vocês, foi ele que eu usei de base para fazer o meu cabelo na primeira vez. Vamos assistir primeiro para ter uma noção da coisa toda:

É o seguinte o material que eu uso:
- Água Oxigenada 40;
- Pó descolorante;
- Pincel para aplicação de tintas (para cabelo, tá gente);
- Luvas, são extremamente necessárias se você não quiser ir para a faculdade com as palmas das mãos meio azuladas, vai por mim;
- A tinta! E acho que essa é a grande indagação das minhas leitoras, afinal que tinta eu uso? Então, comprei uma da marca Keraton da linha Hard Colors, que foi a única que eu achei numa loja de cosméticos. Até que é boa, e para quem não quer ficar esperando meses por uma tinta de marca gringa acho essa uma ótima opção. 
Como fazer:
O processo é basicamente igual ao vídeo. Você vai descolorir as pontas do seu cabelo com água oxigenada e descolorante, a dica é: Não descolora mexas iguais, faça umas maiores outras menorzinhas, assim fica mais natural e não fica parecendo uma faixa de cor diferente. 
 O seu cabelo precisa ficar loiro palha, no meu caso eu descoloro em dois dias. Fico uma hora o primeiro dia, aí eu lavo só as pontas e faço um banho de creme, seco naturalmente. No outro dia repito o processo aí já tá bem clarinho pronto para receber a coloração. Mas esse processo vocês vão descobrir sozinhas, cada cabelo é um tipo diferente, uns precisam de mais tempo outros de menos e se você já é loira levante as mãos para o céu e agradeça. 
 Com os cabelos secos é hora de receber a coloração. Na caixa da tinta vai ter o modo de usar mas a dica é: Passar uma primeira mão de tinta secar com o secador e depois passar chapinha. Então passar uma segunda mão de tinta e ficar por uma hora no mínimo. Aí lavar normalmente e não esquecer de fazer uma hidratação caseira.
Como cuidar:
 Agora que seu cabelo tá lindo e reluzente e você tá parecendo uma sereia, como diria a minha mãe, os cuidados começam. Toda vez que lavar é preciso fazer uma hidratação, e não é tão ruim assim afinal você não vai precisar fazer o cabelo todo só a metade, já facilita. Usar shampoos sem sal e próprios para cabelos coloridos é legal, e tente evitar piscinas o cloro acaba com o cabelo e o final tá chegando aí junto com o verão então aconselho vocês a deixarem o cabelo natural até lá. Você vai precisar retocar a cor de duas em duas semanas, sim, elas saem meio rápido. Basicamente é isso, não é tão complicado assim. 
Minhas dicas:
- Quem quer se aventurar e fazer experimentos no cabelo, como eu, pode usar anilina para colorir. Não é o mais recomendável, mas custa R$1,50 contra R$20,00 da tinta. Minha atual cor, laranja e rosa, eu pintei com aquela anilina usada para colorir bolos de festas infantis. Como já disse não é o mair recomendável, a cor não fixa muito bem e se você escolher rosa ela pode ficar alaranjada. Aconselho vocês começarem com a tinta, depois com prática vocês podem passar para anilina. Eu não acho legal usar anilina de madeira, nunca usei e não pretendo, vai estragar mais do que já tá.
- Se você quer uma cor clarinha tipo candy color, misture a tinta com creme hidratante e aplique no cabelo. 
- Quando o cabelo estiver muito bagaçado escove ele todinho para frente faça um rabo de cavalo alto e corte as pontas, vai ficar um corte desfiado e vai tirar boa parte das pontas duplas. Eu faço isso sempre, acho que já vai fazer 1 ano que eu não vejo um salão. Claro que isso não é recomendável também, sempre que puderem vão ao salão façam um corte legal e uma boa hidratação profunda. Mas como eu não tenho tempo, e também não tenho medo de fazer experimentos no meu cabelo eu pinto, corto e bordo nele sem problemas. 
Separei algumas imagens para vocês se inspirarem e é isso moças, quem tiver coragem mande uma foto do resultado para depois eu ver como ficou ;)

Até mais pessoal... 


12 comentários:

  1. Adorei querida, as suas madeixas ficaram muito bem :)

    Acho esse tutorial bem importante para quem quer fazer o mesmo! Beijinho*

    ResponderExcluir
  2. Adorei essas dicas! Eu que já estou com as pontas loiras me senti tentada a experimentar, rs.

    ResponderExcluir
  3. Muito legal! Fiquei até com peninha de ter cortado meu cabelo, ia ter ficado tão bonito com as pontas roxinhas... mimimi

    Xx

    The Queen Land

    ResponderExcluir
  4. É beeem diferente, mas uma maneira ótima de quem quer mudar sem danificar todo o cabelo, amei *-*
    Mas não tenho coragem de fazer, meu cabelo é muuuito seco pra isso ):
    beijo beijo

    lladodedentro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Eu sempre tive vontade de pintar as pontas com cores diferentes, acho que depois da inspiração do seu post eu vou ver se dou um jeitinho pra fazer!!
    só que cm meu cabelo eh bem escuro,nao sei se a tinta vai pegar mto...

    ResponderExcluir
  6. ficou tão lindo!!!!!!!!!! tô apaixonada, tenho muita vontade de fazer mas não tenho muita coragem, ficou maravilhoso...:D
    :**

    ResponderExcluir
  7. Gostei bastante do post, faz tempo que eu venho pensando em fazer as pontas de rosa, mas só de pensar no trabalho.. Enfim, do seu jeito, parece até que é fácil! Um dia eu ainda tento haha.

    Beijos!

    Meu blog: olacocorderosa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Usar anilina para bolo MOFA E ESTRAGA o cabelo de uma maneira terrível e nojenta. Apenas anilina para MADEIRA é recomendada para pintar o cabelo.

    ResponderExcluir
  9. Oie entao eu jah fiz california uma vez soh q cortei eu ia pintar soh q o salao soh cortava akele horario entao n du tempo(ja tinha tonalizante usava o jeans color da alfaparf) e estou afim tbm de mudar, tava pensando cmo fazer porque qria exatamente o q vc falo AMEI! Acho q sou um pokinho exagerada, comprei 5 cores desse msmo tonalizante q vc usa ahhaha vou fazer... Serio adorei a dica! ;)

    ResponderExcluir
  10. Esse post me ajudou muito quando fui pintar o cabelo de roxo <3

    ResponderExcluir
  11. Eu uso meu cabelo colorido, são mexas azuis, e uso a anilina de madeira, ela danifica tanto quanto a anilina de usar em bolo, pq o que mais estraga o cabelo é a descoloração. Meu cabelo é cacheado então mais cuidado ainda eu tenho q ter sobre os fios pois são mais secos. E uma coisa que eu faço/fazia quando usava a tinta, não lavar ele normalmente pra tirar o excesso e sim só passar condicionador, a cor fica mais forte e por mais tempo.

    ResponderExcluir
  12. ANILINA PARA BOLO MOFA O CABELO. ANILINA PARA MADEIRA É RECOMENDADA.

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário.
Só avisando que responderei a todos os comentários aqui mesmo.
E se você quiser que eu visite o seu blog, por favor avise.