quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Sofá para três e mais uma rodada de amor, pode colocar na minha conta


Efêmera by Tulipa Ruiz on Grooveshark
A tarde estava quente, na parede o velho quadro da tia falecida entortava para a esquerda, o pó dançava com seus pequenos grãos no raio de luz que passava preguiçoso pela fresta da janela. Três corpos compartilhavam o pequeno sofá xadrez, entre cutucadas e chutes nem sempre intencionais elas trocavam beijos, mordidas e beliscões. Histórias da velha juventude e da atual juventude se mesclavam com canções de roda. Uma já tinha visto muita coisa, podia palpitar e aconselhar, mostrava o sorriso ainda sapeca mas ao mesmo tempo tão doce e sábio, numa serenidade de quem sabe como lidar com a rotina. A outra meio perdida nas ideias queria olhar a dança dos ácaros e fotografar, enquanto pensava que a vida era boa, mas que podia melhorar se ela largasse a escola e virasse uma cigana. A menorzinha era mais esperta, em vez de falar ou pensar demais ela apenas vivia, pedia beijos e carinhos com uma cara manhosa, despreocupada apenas sorria e brincava com o dedinhos do pé. 
Numa dessas tardes de uma primavera qualquer, dessas tantas outras que são efêmeras e passam numa velocidade assustadora, três corpos compartilham um pequeno sofá xadrez. Entre a luz, pó e quadros tortos elas trocam carinhos e segredos. Numa sintonia e cumplicidade que só as três conseguem sentir, fechadas e isoladas de todo o resto. 
Recordando, posso dizer que aquela era uma cena feliz, sim, muito feliz. 


3 comentários:

  1. São esses pequenos momentos que vemos o quanto somos abençoados por Deus. Gostei das fotos e amei o texto. Beijos
    http://blogpensando-alto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Tardes como essas, são mais uma prova de que a simplicidade é tudo na vida.

    http://olacocorderosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Adorei suas fotos (como sempre), mas gostei mesmo foi do texto! Muito bonito!

    bjaoo

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário.
Só avisando que responderei a todos os comentários aqui mesmo.
E se você quiser que eu visite o seu blog, por favor avise.