domingo, 24 de fevereiro de 2013

Desabafando sobre amizades

P1010780_large


Desabafo 1: “Moro em um internato a três anos. Conheci pessoas, formei meu grupo de amigos, me apaixonei por elas. Mas agora, depois de três anos muita coisa mudou. Mágoas, falsidades e feridas abertas. Não me sinto mais segura com eles. Me fechei tanto com eles, que agora parece que não consigo conhecer mais ninguém. Me sinto sozinha.”

Desabafo 2: “Tenho uma amiga que se diz ser minha BF, mas ultimamente tenho desconfiado que a amizade dela não é tão verdadeira assim. Ela fica me menosprezando e me colocando para baixo, só para levantar o próprio ego. Na verdade, acho que ela tem interesse no meu namorado. Quando vou conversar sobre o assunto, ela diz que não tem nada a ver. Quando eu preciso, ela até me ajuda. Mas sei lá, estou mal com tudo isso, tem vez que até choro."

Desabafo 3: “ Tenho uma amigas que me fazem sentir mal. Elas falam mal, tão risadas de mim e fazem brincadeiras que me deixam triste. Eu sei que elas fazem isso de propósito, e tem outra coisa, elas falam de mim pelas costas. Eu já estou me afastando. Mas não posso negar que me divirto muito com elas, quando não estão fazendo nada contra mim. O que devo fazer?”

Quando minha caixa de entrada começou a lotar com desabafos sobre amizade, confesso que fiquei preocupada. Selecionei três desabafos, sobre diferentes problemas que acontecem entre amigos, para ilustrar esse post. Os outros desabafos serão respondidos através desses três selecionados. Me desculpem desde já, gostaria de colocar todos, mas o tempo e o tamanho do post não permitiram. Como eu disse foram muitos. E aproveito para agradecer pela confiança que vocês depositam em mim.

Resposta do desabafo 1: Amizade desgastada e solidão
Quando li esse desabafo fiquei surpresa. Quem me escreveu também mora em um internato, e fiquei imaginando que ela podia estar bem próxima de mim. Me deu uma vontade louca de conhece-la e disponibilizar minha amizade. Mas como eu não a conheço e ela nem escreveu o nome no desabafo, só me resta dizer que se ela mora no mesmo internato que o meu e quiser ser minha amiga, sei lá, estamos aí hahaha. E mesmo que não more, temos a internet que ajuda um bocado. Enfim...
As pessoas gostam de se sentir parte de um grupo, de fazer parte de uma comunidade. É normal nos empolgarmos com novas amizades. É sempre assim, tudo é maravilhoso, no começo, depois nos conhecemos melhor e descobrimos que aquela pessoa não era tudo aquilo que imaginávamos. Aí rolam aqueles atritos bem chatos que acabam por desgastar a amizade.
Você pode tomar algumas iniciativas.
- Brigar com todo mundo, manda-los para os infernos e falar que não precisa da amizade deles
- Falar mal deles
- Fazer intriguinhas
- Bancar a vítima e ficar sofrendo com pena de si mesma
Ler essas alternativas não soou muito legal né? E não é mesmo. Acredito que você quer ser melhor do que eles foram, ser madura e não bancar a infantil. Então se você não quer fazer nada da lista acima eu tenho uma nova.
- Perdoar. Parece complicado, e é. Mas quem disse que coisa boa é fácil. Perdoe, mesmo que no primeiro momento você não consiga sentir vontade, aos poucos o sentimento bom do perdão vai tomar de conta de você. Mas é preciso se esforçar, esquecer não acontece do dia pra noite.
- Se afaste um pouco. Não corte relações, mas dê um tempo para você, não tenha medo de ficar sozinha.
- Seja amiga. Converse com eles ainda, saia se eles te chamarem. Só não compartilhe todos os seus segredos.
- Se posicione. Nada de deixar eles montarem em você. Não gostou de uma brincadeira? Diga que não gostou. Ele vão perceber, e se forem descentes vão parar com isso
- Permita-se encontrar novos amigos! Nunca se feche para nada. Eu sou da seguinte filosofia: As coisas passam rápido, mudam, e criar raízes nem sempre é bom. Voar e experimentar novos ares é ideal. Você é livre para conhecer novas pessoas. Agregar novas amizades ao seu círculo. Não se feche com uma pessoa só ou com um único grupo. Sei que é complicado fazer novas amizades, mas não perca a oportunidade de tentar.
Vai dar tudo certo. Daqui a pouco você vai sair daí. E o mundo está repleto de pessoas que você ainda vai conhecer. Todo mundo passa por fases ruins na amizade, o segredo é não se desesperar e ser livre para experimentar novos ares e fazer o possível para ser feliz.

Desabafo 2: Amiga da onça
Fiquei revoltada com essa menina. Simplesmente não suporto garotas que se dizem ser amigas, mas que só falam mal de você. Para mim elas são umas sanguessugas. Já passei uma vez por algo parecido, nossa, fiquei bem mal.
E quer saber? A melhor coisa é cortar a relação aos poucos. Se você já conversou e nada adiantou o melhor é esquecer. Você não precisa ficar com alguém no seu cangote falando mal e te colocando para baixo.
Não precisa se rebaixar e fazer um barraco. Mas aos pouquinhos vai dando um tempo e vendo como ela reage. Se ela vier conversar com você, seja segura, exponha sua opinião, diga a verdade sem agredi-la. Ouça o lado dela também. Se a conversa for boa e você achar que a amizade merece uma segunda chance, dê. Sempre é bom terminar tudo em paz. Mas do contrário, esquece essa garota. Ela não será sua primeira e última amiga.

Desabafo 3: Me fazem mal, mas também me divirto com elas. E agora?
Olha seu desabafo se assemelha um pouco com o anterior. E eu digo o mesmo para você. 
Você mesma percebeu e começou a se afastar. Só tem o problema da diversão. Então, analise se essa diversão e saudável, se te faz bem mesmo. Se sim, então saia com elas e divirta-se. Só não misture as coisas. Deixe bem clara sua posição e não deixe ninguém montar em cima de você. Aos poucos elas mesmas vão acabar notando, e se forem suas amigas de verdade vão te respeitar. Do contrário, vá com Deus e seja feliz! Não se prenda, permita-se encontrar novas pessoas, quem sabe você não encontra finalmente um verdadeiro amigo?

E por hoje é só pessoal. Sei que o post ficou meio grandinho, mas também, respondi três desabafos num tacada só. Espero que tenha ajudado a todos.
Confie meus amigos, não é o fim do mundo, vai dar tudo certo. Doí, mas passa.

PS: Se quiser desabafar clique aqui e solte o verbo. 

4 comentários:

  1. Adorei, bacana mesmo!! http://www.jj-jovemjornalista.com/

    ResponderExcluir
  2. Nossa, Nunca tive problemas desse tipo com amizades. Meus amigos sempre souberam me respeitar e as que tentam me rebaixar eu imponho respeito. Com certeza suas dicas e opiniões serviram para essas pessoas.
    Bjkas...

    ResponderExcluir
  3. Parabens Hadassah,
    Muito bem menina Moça.
    =P

    Vejo vc com asas abertas,
    e pessoas como se fossem filhotes se refugiando em ti!
    Continue assim, amando-as... !!!
    =*

    ResponderExcluir
  4. oi! eu me identifiquei mt com vc , estou passando pela mesma coisa , no começo td é sempre tão lindo , tudo é perfeito mas depois começam a aparecer os defeitos , as vezes você começa a acha-la chata e mil e um defeitos começam a aparecer e nada mais é magico como antes nem mesmo uma cartinha de volta as aulas você quer fazer pra ela e por mais que você não queira começa a nascer uma magoa no seu coração que mais tarde se transforma em ódio estou cansada de chorar e sofrer de saber que me dediquei tanto a essas amizades e no final , no momento que mais precisei elas me deram as costas e formaram um exercito de 3 contra mim !!! bom é isso não aguento mais sofrer por amizades e a cada dia reforçar minha ideia que minha única amiga é minha vó <3 bjinhos , se quiser vai lá no meu blog que eu vou fazer uma publicação parecida http://www.garotas-em-massa-dicas.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário.
Só avisando que responderei a todos os comentários aqui mesmo.
E se você quiser que eu visite o seu blog, por favor avise.